quinta-feira, 4 de junho de 2009

Americano pode deter o recorde mundial de prisões

Um americano provavelmente detém o recorde mundial em número de prisões. Paul Baldwin, de 49 anos, já ficou 153 vezes atrás das grades nos últimos 35 anos. Segundo a polícia, Paul é um "cliente" assíduo de seus serviços na cidade de Porthmouth, em New Hampshire.

O motivo para Paul ir tantas vezes para o xilindró seria seu incondicional amor à bebida, já que o homem sofre de alcoolismo. Na sua última prisão, na semana passada, Paul foi detido por agredir violentamente um cliente dentro de um bar. Ele já havia ficado preso cerca de um ano por não pagar uma caneca de cerveja no valor de US$ 1,99, ou aproximadamente R$ 4,00.

Na tentativa de evitar que o homem volte a ficar mais tempo sob custódia do governo, o procurador estabeleceu uma fiança de 1.500 dólares para que ele pudesse responder ao crime em liberdade. Se ele conseguir pagar a multa, deverá voltar para casa todos os dias antes das 19 horas, quando os bares frequentemente estão cheios.

Um caso como esse é um crime ou uma doença?
Postar um comentário